Amparo prospera porque seus representantes trabalham

Esequiel Pereira dos Santos, vereador à Câmara Municipal de Amparo e Ricardo Zanelato, Secretário Municipal de Desenvolvimento Econômico, Trabalho e Meio Ambiente de Amparo - este representando o prefeito Luiz Oscar Vitale Jacob - foram recebidos por Ronaldo Nogueira, Ministro do Trabalho e Emprego, em Brasília/DF. Durante a audiência - prestigiada também pelo Deputado Federal Paulo Freire - foi solicitado ao Ministro abertura de crédito adicional para o “Banco do Povo” e “Programa Agiliza” ambos, de nossa cidade. Segundo o vereador Pastor Esequiel “a abertura desse crédito adicional se faz necessária para fomentar a linha de crédito para micro e pequenos empresários que querem investir em seus negócios, mas dependem de empréstimos maiores e, com menor taxa de juros”. Durante a audiência foi solicitado ainda ao Ministro que envidasse esforços junto ao Governo Paulista no sentido de autorizar a realização de convênios para os programas SENAC, SENAI e SEBRAE com o Município de Amparo.

O Ministro agendou, por telefone, o encontro solicitado com o Superintendente Regional do Trabalho e Emprego do Estado de São Paulo, Eduardo Anastasi, pedindo prioridade para a

reivindicação da nossa cidade. Só para lembrar, o Programa SENAC conta com grade voltada a cursos livres, técnicos, idiomas, aprendizagem, graduação e pós-graduação disponibilizados através dos caminhões escolas.

Também em caminhões escolas o SENAI oferece vários cursos profissionalizantes e técnicos. Já o SEBRAE oferece cursos de capacitação e orientação aos pequenos, aos micro-empresários e aos micro-empreendedores individuais. “Nesta terça-feira dia 21, o superintendente Eduardo Anastasi, nos recebeu reafirmando seu esforço em atender nosso município, trazendo nos próximos dias a sede administrativa do SEBRAE e nesta quinta-feira, 23, estará reunido com o SENAC e SENAI levando nossas reivindicações” disse o vereador pastor Esequiel.

Resta agora um trabalho conjunto entre Legislativo, Executivo e empreendedores locais para que as reivindicações sejam atendidas e Amparo continue crescendo ordenadamente em todos os sentidos. Para o Prefeito Luiz Oscar Vitale Jacob “Amparo é assim, não reclama da crise. Antes, através dos seus representantes, busca caminhos para continuar crescendo, prosperando e oferecendo mais qualidade de vida à nossa gente”.
Vereador Esequiel recebe juventude do PSDB

O vereador Esequiel Pereira dos Santos (PSDB) esteve recebendo na tarde de terça-feira, dia 11 de abril, nas dependências da Câmara Municipal de Amparo a juventude do PSDB.

Os dois jovens Caio Fujita e Barbara Capriano estiveram com o primeiro secretário, vereador pastor Esequiel com o intuito de fortalecer a juventude na política brasileira.
Projeto sobre defesa dos direitos da pessoa com deficiência é aprovado

O vereador pastor Esequiel Pereira dos Santos protocolou na secretaria da Câmara Municipal de Amparo, projeto de resolução nº 04/2017 que trata sobre defesa dos direitos da pessoa com deficiência, sendo o mesmo aprovado por unanimidade na última sessão realizada no dia 15 de maio.

Assim que publicação no jornal Oficial do Município, este projeto se tornará a Resolução de nº 437/2017.

O projeto acresce o inciso VII ao artigo 39, e acresce o artigo 44-A, incisos I, II, III, IV e V ao Regimento Interno da Câmara Municipal de Amparo”.

O artigo 44-A que diz respeito à Comissão de Promoção, Proteção e Defesa dos Direitos da Pessoa com Deficiência compete emitir pareceres sobre todos os processos à promoção de proteção dos direitos da pessoa com deficiência ou mobilidade reduzida, estimula as políticas públicas e os programas que contemplem as pessoas com qualquer tipo de deficiência, coordena as ações de prevenção eliminando assim, todas as formas de descriminação contra as pessoas com deficiência propiciando a elas sua inclusão à sociedade e cria mecanismos objetivos à política mais abrangente de proteção.

Segundo o autor, vereador Esequiel, o assunto tratado é de relevante importância para a sociedade amparense sobre assunto de interesse local, embora o tema já esteja disciplinado pela convenção sobre os direitos da pessoa com deficiência e seu protocolo assinado em Nova York em 30 de março de 2007. “A constituição Federal, no seu artigo 30, inciso I, confere esta competência aos municípios em legislar sobre assuntos de interesse local”, completou o vereador.